O QUE MUDOU DEPOIS QUE RESOLVEMOS MORAR JUNTOS?


Óbvio que quando você decide dividir sua casa (e todos os seus dias e todas as suas coisas e tal) com outra pessoa, mudanças vão acontecer, quer você queira ou não. O que a gente espera é que elas sejam mudanças positivas, claro. No post de hoje vamos compartilhar algumas coisas que mudaram pra gente depois que começamos a morar juntos e viramos uma família (pequena, mas linds HAHA).

Mudanças pra ela (Fê)

DORMIR QUASE TODOS OS DIAS NO MESMO HORÁRIO DELE

Eu tenho que dizer que isso está me ajudando muito com a ansiedade e os distúrbios do sono (por sinal, dê uma olhada no post passado do Jão sobre sono, TÃO BOM!). Quando estávamos vivendo separados,  eu costumava ir pra cama às 23:00, 00:00, tendo que acordar cedo. Ficava estressada quando a hora de dormir estava chegando, ansiosa e depressiva. Ainda encontro alguns problemas para dormir quando estou muito nervosa com alguma coisa, mas em geral, o Jão me acalma apenas por ficar comigo (aw que fofo haha <3) e é preciso cerca de 15, 30 minutos para que eu consiga dormir, uma vez que eu deitei.

CONVERSAS, CONVERSAS, CONVERSAS

Ele não é muito falante, para ser sincera. Eu sou. HAHA Mas falamos muito mais do que quando começamos nossa relação (ainda bem). Nossos objetivos, nossos pensamentos, nossos sonhos, o que queremos comer, fazer, como nosso dia foi, como estamos nos sentindo. Nós não somos perfeitos (não mesmo!!!), mas, honestamente, simplesmente não conseguimos brigar, porque falamos um com o outro. Se algo está errado comigo, ele sabe disso apenas com um olhar (um dos benefícios de estar com a pessoa todos os dias) e bem, falamos sobre isso. Nada de dormir brigado, de ficar de cara feia um com o outro ou discussões sem motivo. Eu também aprendi a falar com ele quando algo me incomoda, ao invés de guardar tudo. 

APRENDI A DAR ESPAÇO

Não é porque vivemos juntos, que temos que fazer tudo juntos. Quando a gente estava só namorando, eu não percebia que o Jão precisa de espaço, que ele precisa fazer coisas sem mim. Agora eu posso ver o quão importante é continuar fazendo o que você (e o outro) querem fazer, e isso nem sempre incluirá o seu namorado/marido o tempo todo. Fazemos muitas coisas juntos, como assistir programas de TV, sair, jantar, dormir, etc., mas às vezes ele quer ler e eu quero assistir algum filme com o Ryan Gosling HAHA. Ou talvez ele queira jogar videogames com os amigos e eu queira passar um tempo no Pinterest. E isso é bom. Não significa que ele não quer passar tempo comigo, quer dizer apenas que ele é ele e eu sou eu, antes de qualquer coisa.

Mudanças pra ele (Jão)


APRENDI A COMPARTILHAR MELHOR AS COISAS

Eu acredito que sempre tenha sido, no fundo, um pouco egoísta e com dificuldades de compartilhar coisas pessoais (sejam objetos físicos ou apenas compartilhar meu tempo). Mas acredito que melhorei muito desde que passamos a morar junto, e não foi um tipo de mudança “forçada”. Acho que aprendi que não há problemas em compartilhar as coisas mais importantes em nossas vidas. Pelo contrário, isso torna tudo muito melhor, e com o tempo isso deixou de ser algo que eu precisasse pensar a respeito e acabou se tornando algo natural para mim. Não vou falar que passei a ser uma pessoa extremamente generosa com todos ao meu redor, com certeza existem coisas que ainda prefiro manter para mim. Mas acho que compartilhar, tanto com a Fê quanto com outros amigos e parentes, se tornou algo muito mais simples para mim.

VENHO APRENDENDO A ME ORGANIZAR PARA APROVEITAR MELHOR NOSSO TEMPO JUNTO

Eu sempre fui uma pessoa relativamente sozinha, estive muito acostumado a planejar a minha vida em torno de minhas necessidades. Acho que ainda tenho muito o que melhorar nesse quesito, mas hoje em dia vejo que me planejar bem (quem leu meus posts até agora sabe o quanto valorizo isso HAHAHA) não é bom apenas para mim, mas para nossa relação. De repente eu deixei de pensar “o que posso fazer para aproveitar melhor o meu tempo” e passei a pensar algo como “como posso usar meu tempo para fazer o que preciso e aproveitar e melhorar nossa relação?”.  É difícil explicar, mas acho que se fosse colocar de uma forma mais simples, eu deixei de agir apenas pensando no meu tempo livre, e agora penso em como posso passar um tempo de qualidade com ela.

APRENDI A NÃO PENSAR APENAS EM MIM MESMO

Na verdade, isso está meio implícito nos dois itens anteriores, mas acho bom apontar. Morar junto com uma pessoa leva o relacionamento para um nível diferente de apenas namorar em casas separadas. Acho que com o tempo eu aprendi a ser uma pessoa melhor porque deixei de pensar nas consequências que meus atos têm apenas para mim. Acho que como agora somos tão próximos penso melhor no que é importante para ela e para nós como um conjunto, é uma forma diferente de ver as coisas. Estamos juntos para o que der e vier, e isso é uma coisa muito legal de se perceber! 

-

Poderíamos ficar aqui horas falando de todas as mudanças que aconteceram e estão acontecendo, mas esse post ficaria gigante e cansativo. HAHA A verdade é que todos os dias nós aprendemos coisas novas sobre nós mesmos, sobre o outro, sobre a nossa relação e sobre como conviver bem, do nosso jeito. Alguém aí se identificou com alguma das coisas? Falem nos comentários! Até mais! <3

Fê e Jão

4 comentários

  1. AMEI o post! Me encontrei em muitos itens viu hahahaha o Ramon leu cmg e também se encontrou... Esse fato de aprender a compartilhar (principalmente tempo), a ver que não fazemos tudo juntos, não precisamos, primeiramente somos seres únicos para sermos um casal... E confesso que depois que eu casei com o Rah a gente nunca briga tbm, pelo fato de conversarmos, muito mais, sobre tudo! Isso é bom demais, é essencial na vida de um casal... Beijokas ;)

    ResponderExcluir
  2. Quando você compartilha seu dia a dia com uma pessoa, muitas mudanças acontecem (pequenas ou grandes), mas sempre muito importantes!

    Amei a parte em que você fala que aprendeu a dormir melhor e mais cedo, pois acho que isso também vai acontecer comigo já que sozinha eu enrolo muito no celular, tenho insônia, ansiedade.. e talvez com alguém que tem uma rotina de dormir cedo, eu me apague a isso também.

    Amei o post e o blog! Não conhecia e já estou apaixonada lendo tudo ♥

    Um beijo,
    Sté

    ResponderExcluir
  3. o espaço um do outro é o mais importante! quando eu e meu boy ainda não morávamos juntos, dividíamos os dias um pouco na casa dos pais dele, um pouco na dos meus. mas todo dia a gente tava junto, e parecia que precisava ficar colado mesmo, sabe? hahaha
    agora que moramos juntos faz um pouco mais de seis meses, vemos o quanto precisávamos do nosso espaço e tempo sozinhos, não ficamos grudados e isso melhorou muito o relacionamento ♥

    ResponderExcluir
  4. Morar junto = bom demais. A gente aprende muito sobre o outro, mas aprende ainda mais sobre nós mesmos. Compartilhar os pequenos momentos, para mim é uma das coisas mais gostosas. <3

    ResponderExcluir

TOPO